O jogo enquanto desporto: A popularidade dos eSports na Era digital

Vito Zapata Olivera | 6 Junho 2016

E-sports eventsHoje vivemos num mundo digital, isto mesmo é bem evidente quando os dados indicam que o número de dispositivos móveis supera a quantidade de seres humanos no planeta. Nos dias de hoje, quase tudo o que fazemos gira em torno da tecnologia e da internet. Como não podia deixar de ser, a área do entretenimento não só acompanha esta evolução, como está na vanguarda da mesma.

Também a área do desporto enveredou pelo caminho da Era digital e a influências das novas tecnologias tem vindo a sentir-se cada vez mais. A tecnologia Goal-line foi introduzida no futebol com grande sucesso e o cricket, o rugby e o ténis há muito que fazem uso da tecnologia para auxiliar as decisões dos árbitros. O eSports (também conhecido como esports, e-sports, jogos competitivos, desporto electrónico ou ProGaming, na Coreia) talvez seja encarado como uma ameaça para os entusiastas do desporto tradicional, por acharem que retira o aspeto físico do desporto por completo.

Para aqueles que não estão familiarizados com o eSports, este funciona da seguinte forma: dois jogadores de vídeo jogos debatem-se em frente a uma audiência até que haja um vencedor. Esta forma de competição está agora a começar a gerar grandes audiências e todos os indícios nos dizem que o eSports irá, sem dúvida, ter um papel cada vez mais predominante à medida que a tecnologia se vai desenvolvendo e a Era digital vai ganhando cada vez mais terreno.
As competições de jogos de vídeo, no entanto, não são novidade. A Nintendo realizou o Campeonato Mundial durante anos no início da década de 90, mas os jogos online e as funcionalidades cada vez mais realistas tem feito disparar o interesse pelos eSports a níveis estratosféricos.

A Ásia teve um papel preponderante no que diz respeito a tornar o eSports o centro das atenções. A Coreia do Sul fez a cobertura de vários torneios, disponibilizando-os aos espectadores em streaming. A grande velocidade da internet permite aos espectadores assistirem ininterruptamente, levando também a um aumento do número de jogadores a nível presencial, forçando assim os promotores destes jogos a usar grandes arenas para as competições. O World Cyber Games, um dos jogos originais, começou com grande sucesso na Coreia do Sul e China e, desde então, realizou-se nos EUA, Itália e Alemanha, isto apenas para citar alguns países. Estes torneios são também utilizados para promover novos jogos e a competição gira em torno do confronto entre os jogadores num dos jogos recém-lançado.

O aumento da popularidade destes jogos chamou a atenção até do grupo de jogadores mais tradicionais, que anteriormente não mostravam qualquer interesse por este tipo de jogos. A Twitch.tv aproveitou esta popularidade e criou um canal exclusivo de eSports em streaming, que transformou alguns jogadores em pequenas celebridades.

Os patrocinadores também entraram na onda. Bebidas energéticas e empresas de hardware de computadores estão entre os maiores patrocinadores destes eventos. As casas de apostas desportivas online também não deixaram escapar esta oportunidade, por exemplo a Betway.com criou seu próprio site de apostas de eSports. A Betway não é o único site de jogos online a tirar proveito da cultura de jogos online, pois os vídeo jogos como as slots temáticas, do género de Tomb Raider ou Thunderstruck, são oferecidos por vários operadores.

O eSports conseguiu desenvolver-se como um negócio altamente sustentável, mas quão a sério ele está a ser levado pelo grupo de jogadores mais tradicionais? Ao ESPN foi perguntado se alguma vez iriam considerar transmitir o eSports pela televisão, ao qual o presidente respondeu que ele vê o eSports mais como uma "competição" do que um desporto. Por isso, parece que pode levar algum tempo até que os “tradicionalistas” divulguem o eSports como desporto reconhecido. Tendo em conta tudo isto, a indústria de eSports conseguiu reunir uma equipa de advogados para garantir juridicamente o futuro da arena.

O público consegue organizar-se tão facilmente através da internet que o número de espectadores continua a aumentar, enquanto que o feedback garante que os eventos estejam sempre a ser atualizados e melhorados. O panorama do jogo foi sem dúvida alterado pelo eSports, uma vez que abriu as portas para a venda de jogos nunca área completamente nova.

O eSports está destinado a tornar-se uma potência a nível dos jogos online, e se o número de espectadores continuar a aumentar de forma alucinante como até agora, será difícil para os jogadores mais tradicionais ignorá-lo por muito mais tempo.

E-Sports