As receitas do jogo online em Portugal aumentaram

Vito Zapata Olivera | 21 Maio 2018

Aumentam as receitas do jogo em PortugalApesar do impacto das restrições fiscais no crescimento, as receitas do jogo online em Portugal registaram um claro aumento de 8% no primeiro trimestre do corrente ano fiscal, com os entusiastas do desporto e das apostas desportivas a serem os mais gastadores.

De acordo com os números revelados pelo Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos do Turismo de Portugal (SRIJ), a entidade que fiscaliza o setor do jogo no país, as receitas locais dos casinos online aumentaram significativamente em 18% e ascenderam aos 16,4 milhões de euros. No final de março, as receitas do jogo online totalizavam 33,8 milhões de euros.

No entanto, apesar das receitas do jogo online terem aumentado 2,5 milhões de euros, quando comparadas com o trimestre homólogo do ano anterior, o valor corresponde a uma queda de 2,7 milhões de euros quando comparado com os números do último trimestre de 2017.

As apostas desportivas continuam a ser o setor que faz mais dinheiro

As apostas desportivas online em Portugal continuam a ser o setor que gera mais receitas, embora evidenciando sinais de estagnação.

No primeiro trimestre, as apostas desportivas online foram responsáveis por receitas no valor de 17,4 milhões de euros. No entanto, o valor apurado pelas operações de apostas em todo o país não tem registado alterações significativas de ano para ano. Na verdade, registou-se uma descida de mais de 3 milhões de euros entre outubro e dezembro do último ano.

Durante o primeiro trimestre de 2018, o futebol foi o desporto que mais atraiu os apostadores, sendo responsável por mais de 75% das receitas das apostas desportivas, seguido pelo basquetebol (10,6%) e pelo ténis (9,6%).

Os jogos de azar continuam a ser populares

Os operadores do jogo online revelaram que as receitas dos jogos de azar ascenderam a 16,4 milhões de euros. Isto equivale a uma taxa de crescimento de 18% em comparação com o primeiro trimestre do ano anterior.

No primeiro trimestre, as slots representaram 55,7% do total das apostas feitas nos jogos de azar online, seguidas pelo poker online que correspondeu a 18,6% das receitas totais registadas. Em terceiro lugar, mas a pouca distância, com 16,4%, surgiram as apostas na Roleta Francesa feitas por clientes locais.

Quem é recém-chegado e quem está a jogar?

No final de março, estavam registados nos sítios dos jogos de azar online, em Portugal, cerca de 890 mil utilizadores, sendo que a maioria tinham idades entre os 25 e os 44 anos. Os utilizadores recém-chegados correspondiam a 89,3 mil. Este número evidencia um abrandamento significativo nos registos de novos jogadores, correspondendo a uma diminuição de 22,6 mil registos quando comparado com o número de registos em igual período do ano anterior.

Cerca de 62% dos jogadores registados têm idades entre os 25 e os 44 anos e 27% têm idades entre os 18 e os 24 anos. De acordo com o órgão regulador, o SRIJ, um total de 21,1 mil jogadores registados optaram por sair do universo do jogo online.

Em 2017, estavam registados em Portugal quatro prestadores de serviços no setor dos jogos de azar online. Desde então, outros três operadores chegaram ao mercado.

Links de referência:

http://www.casinonewsdaily.com/2018/05/15/casino-growth-boosts-portugal-online-gambling-market-by-8-q1/